resenhas category image [Resenha] – Quem sabe um dia, Lauren Graham 06/09/14

quemsabe-umdia
Nome: Quem sabe um dia
Autor(a): Lauren Graham
Editora: Record
Número de páginas: 368
Ano: 2014
Avaliação: ★★★★☆
Cedido em parceria com a editora Record

Franny Banks é uma atriz lutando em Nova York, com apenas seis meses para o prazo de três anos que deu a si mesma para ser bem sucedida. Mas até agora, tudo o que ela tem para mostrar por seus esforços é uma única linha em um anúncio de camisolas feias de Natal e um emprego de garçonete degradante. Ela vive no Brooklyn, com duas companheiras de quarto, Jane – sua melhor amiga de faculdade, e Dan, um escritor de ficção-científica, que é muito, definitivamente não namorável.

E está lutando por seus sentimentos por um cara suspeitamente charmoso de sua aula de atuação, tudo isso enquanto tenta encontrar um shampoo para seus cabelos que realmente funcione. Enquanto isso, ela sonha em fazer um trabalho “importante”, mas parece que ela só consegue audições para propagandas de detergente líquido e comerciais de manteiga de amendoim. É difícil dizer o que vai acontecer primeiro: ela vai ficar sem tempo ou sem dinheiro, mas de qualquer forma, o fracasso significaria enfrentar o fato de que ela não tem absolutamente nenhum habilidade para sobreviver no mundo real. Seu pai quer que ela volte para casa e vire professora, seu agente não vai chamá-la de volta, e sua colega de aulas, Penelope, que parece incentivadora, pode só tornar a competição ainda mais difícil. Quem Sabe Um Dia é uma estreia engraçada e encantadora sobre encontrar a si mesmo, um amor e o mais difícil de tudo, encontrar um trabalho como atriz.

Janeiro de 1995. Quase estourando o tempo de três anos que se estipulou quando foi a Nova York, Franny Banks é uma atriz em busca da oportunidade perfeita que irá enfim alavanca-la numa carreira de sucesso. Mas a quase seis meses do prazo final, ela sequer conseguiu um agente, e é obrigada a revezar seu emprego de garçonete com aulas de teatro, enquanto encaixa testes de elenco nos intervalos da dura rotina.

Ela poderia muito bem estender o prazo só um pouquinho, mas Franny não quer ser alguém que simplesmente não enxerga a hora de parar. E por mais que ser uma aspirante a atriz em Nova York soe como o maior clichê possível, e desistir pareça ser tarefa tão difícil quanto continuar em frente, Franny segue intercalando seus momentos de maior otimismo com aqueles em que se dá conta que sua conta no banco só tem diminuído mês a mês.

Bem-humorado, o livro de estreia de Lauren Graham nos insere num ambiente leve e com características essenciais a um chick-lit. Com uma protagonista típica ao gênero, Franny é divertida e atrapalhada, e introduz sua rotina de maneira bastante espontânea. Tal como a protagonista do seu livro, Lauren é atriz (tendo se consagrado no papel Lorelai na série Gilmore Girls) o que proporciona a história um tom íntimo quanto as dificuldades de início de carreira, e nos permite visualizar com maior autenticidade os bastidores por trás das câmeras.

Apesar de possuir romance, Quem sabe um dia não teve seu foco nessa direção, e foi por isso que o considerei menos caricato que um chick-lit tradicional. A carreira e o futuro de Franny permanecem em primeiro plano durante todo enredo, à medida que doses sutis de romance são inseridas no decorrer da história. É quase impossível não se contagiar pelo espirito confiante da protagonista, ou mesmo imaginar um pouquinho de si no decorrer do livro quando a autoestima e suas ambições entram em constante oscilação.

Minhas expectativas estavam baixas quando comecei a leitura, e mesmo não classificando o livro como extasiante ou inigualável, Quem sabe um dia acabou se tornando uma grata surpresa. Sua atmosfera agradável e seu tom envolvente me fizeram correr as páginas sem perceber. Além disso, Lauren conseguiu imprimir uma realidade interessante a trama, não fantasiou grandes reviravoltas ou forçou a barra pelo final feliz. Quem sabe um dia cumpre exatamente o que promete: é uma história sobre ir atrás do que acredita, e aproveitar as oportunidades certas na vida, sobre ter anseios, mas principalmente sobre não desistir dos sonhos.

DESIGN: ★★★★★
IMPACTO: ★★★★☆
NARRATIVA: ★★★★½

10 comentários
Postado em 06/09/14 por brendalorrainy



brendalorrainy
19 anos. Criadora do CDI é estudante de administração com inclinação para o setor editorial. Tem uma queda por felinos, por quadrinhos e pela combinação tinta e papel. Adora criar metas o tempo inteiro e estranhamente odeia dormir. Também detesta café, tem tendência ao caos e morre de medo de altura. É viciada em Friends e em qualquer coisa que a faça rir.
Deixe aqui seu comentário!

CommentLuv badge


10 comentários »
06/09/2014 às 19:27
Visitante assíduo e já deixou 14 comentários.

Brenda,sempre tive curiosidade para ler esse livro, principalmente por causa da autora, sou louca por Gilmore Girls <3
Gostei do fato dela focar na carreira e no futuro, às vezes precisamos de um livro assim para lembrar um pouco do quanto é importante correr atrás dos nossos sonhos e objetivos.
Beijos ^^

[Responder]


07/09/2014 às 12:45
Visitante assíduo e já deixou 29 comentários.

Vejo muitas resenhas positivas sobre esse livro, estou bem curiosa.
Achei bem legal o livro ser “narrado” há alguns anos atrás, isso deve dar um toque mais divertido a estória.
Que bom que o foco desse chick-lit não é o romance, tendo um diferencial.
Amei a resenha! Bjs, Brenda <3

[Responder]


07/09/2014 às 14:34
Visitante assíduo e já deixou 117 comentários.

Oi Brenda *o*

Então.. conheci esse livro no blog da Poliana Araújo e achei muito perfeita essa capa assim com a ponte (que esqueci de onde é) e esse contraste ficou muito top com o foco do vermelho da atriz e quem pensa em atriz pensa logo em vermelho pelas cortinas de teatro ou de alguns cinemas tipo estréias, achei tudo muito haver!
É uma mensagem bonita, eu acho que até hoje não li nada que trouxesse uma “mensagem bonita” porque sempre tô lendo romance adolescente ou aventura. Tenho uns livros meios filosóficos aqui kk vamos ver o que acho deles né :)

[Responder]


09/09/2014 às 19:47
Você já comentou 6 vezes.

Brenda, ainda não tinha lido nada sobre o livro, nem a sinopse, apenas visto a capa. Confesso que não despertou o meu interesse, por mais que tenha um tom mais “reflexivo” e você tenha dito que também começou sem expectativas e se surpreendeu. Mas quem sabe um dia eu leia, heheh.
Beijos!

[Responder]


10/09/2014 às 07:06
Visitante assíduo e já deixou 39 comentários.

Oi Brenda,
Não sei o que passou na minha cabeça, mas quando vi a capa imaginei que fosse mais um drama eis que tenho uma bela surpresa: é um chick-lit <3. A mensagem do livro além de ser fofa parece ser muito bacana.
Beijocas ^^

[Responder]


16/09/2014 às 22:57
Visitante assíduo e já deixou 20 comentários.

Ganhei de presente este livro, estava louco para começar a ler. Porém, quando me preparei para iniciar a leitura, abri o livro e para minha tristeza tinha algum erro da gráfica fez com que começasse na página 33!

[Responder]


21/09/2014 às 00:32
Você já comentou 9 vezes.

Gosto dessa capa!
Gosto dessa autora!!
O enredo é interessante, é sempre bom ler sobre carreira e a busca da felicidade nela!
Gostei de saber q o livro é mais realista e que a leitura dele flui bem.

[Responder]


29/09/2014 às 19:35
Visitante assíduo e já deixou 17 comentários.

Me surpreendi vendo uma nota tão alta, nas outras resenhas que li todas foram inteiramente negativas, mas livro funciona diferente com cada pessoa, ainda bem que o livro tem pontos positivos como a determinação da Franny em busca do seu sonho de ser atriz, bem como é uma boa oportunidade para saber mais sobre os bastidores do cinema e dos testes, da dificuldade que todo mundo passa no começo da carreira, comecei a mudar minha percepção sobre esse livro por essa resenha, estou pensando se devo investir ou não.

[Responder]


22/01/2016 às 14:54
Você já comentou 2 vezes.

Ainda nao tive a oportunidade de ler o livro, as essa e a idea… Ter sucesso e correr atraz dele ate que se torne uma realidade no mundo fisico… Muito bom seu estilo de escrita…
Ricardo postado recentemente..Hello world!My Profile

[Responder]


27/04/2016 às 07:13
Você já comentou 2 vezes.

Eu vejo muitas resenhas e comentarios a respeito deste livro e isso me deixou muito interessado em le-lo… Principalmente de focar na cadeira do futuro… Obrigado

[Responder]