dicas category image Melhores Livros Infanto-Juvenis 05/12/11

Eu não sei vocês, mas no começo da minha predileção por leitura encontrei muitos livros cuja história me marcou até hoje! Livros aparentemente bobos, mas que me tocaram tanto que me influenciaram na busca de cada vez mais títulos, tornando-me uma leitora voraz. Esse post é a forma que encontrei para agradecer e prestigia-los.

1- A Ilha Perdida, Maria José Dupré


Eduardo e Henrique resolvem explorar uma misteriosa ilha e descobrir se as histórias que ouvem sobre o lugar são reais. Acabam se envolvendo em uma grande aventura em que um velho sábio ensina o respeito e o amor à natureza.

O livro que me fez devorar a coleção Vaga-Lume. Devo tanto a essa coleção! Foi quando me senti realmente uma leitora. Conheci durante o início das férias e quando elas acabaram já tinha devorado mais de 20 outros livros da coleção.

- Heidi, Johanna Spyri


Heidi é a história sobre a vida de uma menina órfã da Suíça escrita como livro infantil em 1880 pela escritora suíça Johanna Spyri.
Muitas gerações de crianças se encantaram com a história de Heidi, essa adorável e alegre menina que, na sua maneira inocente, consegue transmitir o sentido da verdadeira felicidade a todos os que com ela convivem. É a docilidade e a sabedoria ingênua desta personagem que permitem descobrir que são os pequenos gestos e as atitudes, os verdadeiros sentimentos, como o amor, a generosidade e a simplicidade, alguns dos segredos para se alcançar essa felicidade.

Esse livro é um verdadeiro clássico infanto-juvenil! Lembro até hoje quando ganhei porque me sentia o máximo por ele ser bem mais grosso do que as minhas leituras anteriores haha. Já foram feitas adaptações em filme e desenho animado. Heidi me marcou tanto que posso classifica-lo como um dos melhores livros infanto-juvenis que conheço. Já li e reli tantas vezes que perdi a conta
Detalhe: Ganhei esse livro há 8 anos atras e pasmem: o meu exemplar (o da capa acima) é datado de 1973 numa versão capa dura e lombada costurada!

- Pollyanna, Eleanor H. Porter


A pequena Beldingsville, uma típica cidadezinha do início do século XX na Nova Inglaterra, Estados Unidos, nunca mais seria a mesma depois da chegada de Pollyanna, uma órfã de 11 anos que vai morar com a tia, a irascível e angustiada Polly Harrington. Por influência da menina, de uma hora para outras tudo começa a mudar no lugar. Tia Polly aos poucos torna-se uma pessoa melhor, mais amável, e o mesmo acontece com praticamente todos os que conhecem a garota e seu incrível “Jogo do Contente”. Uma otimista incurável, Pollyana não aceita desculpas para a infelicidade e emprenha-se de corpo e alma em ensinar às pessoas o caminho de superar a tristeza.

Quem nunca ouviu falar do jogo do contente? Pollyanna é outro clássico adorável! A linguagem é mais adulta que Heidi e ele é bem mais conhecido aqui no Brasil também. A Disney até fez filme! Ahá, você não sabia né? Mas atenção: não assista o filme antes do livro achei a adaptação um tanto (um bom tanto) infiel.

- O Menino do dedo verde, Maurice Druon


Era uma vez Tistu…Um menino diferente de todo mundo. Com uma vidinha inteiramente sua, o pequeno de olhos azuis e cabelos loiros deixava impressões digitais que suscitavam o reverdecimento e a alegria. As proezas de seu dedo verde eram originais e um segredo entre ele e o velho jardineiro, Bigode, para quem seu polegar era invisível e seu talento, oculto, um dom do céu. Até o final surpreendente e singelo.

Acredite, de infantil esse livro só tem o nome. Misturando fatores sociológicos, ecológicos, éticos e cidadãos, O Menino do dedo verde nos leva a reflexões profundas. Tudo isso a partir de uma linguagem extremamente simples e delicada! Lembro que depois de lê-lo (e chorar muito) passei dias pensando nele. É aquele livro que a cada releitura você encontra algo novo, algo diferente. Em duas palavras? Especial e intenso.

5- Posso te dar meu coração?, Ganymedes José


Desde pequena, Pati queria conquistar o coração alegre, fogoso, entusiasmado de Alex. Tímida, a menina só sabia sonhar com o dia em que Alex se aproximaria dela não mais como um simples amigo. Até que, na pequena cidade do interior de São Paulo, chega a linda Deanne. Basta um olhar, e Alex descobre para quem deve ser destinado seu coração e todo seu carinho… A partir daí, a imensa criatividade de Ganymédes José leva o romance para os caminhos da tragédia, culminando no mais lindo e surpreendente final.

Ah! Meu primeiro romance! A primeira história que me fez torcer pelo casal principal e meu primeiro cair de lágrimas ao término também. A história é linda demais, e o que sempre gostei é que o foco não ficava em um só personagem.Ganymedes José sabe conduzir uma história como poucos.

>PS: Esse post foi com livros individuais, o próximo desse tipo farei com séries infanto-juvenis!
PPS: Não tem nenhuma ordem de preferência! Todos são especiais da mesma forma!

E você conhece mais algum livro infanto-juvenil marcante? Comenta aí ;]!

16 comentários
Postado em 05/12/11 por brendalorrainy



brendalorrainy
19 anos. Criadora do CDI é estudante de administração com inclinação para o setor editorial. Tem uma queda por felinos, por quadrinhos e pela combinação tinta e papel. Adora criar metas o tempo inteiro e estranhamente odeia dormir. Também detesta café, tem tendência ao caos e morre de medo de altura. É viciada em Friends e em qualquer coisa que a faça rir.
Deixe aqui seu comentário!

CommentLuv badge


16 comentários »
05/12/2011 às 21:00
Visitante assíduo e já deixou 25 comentários.

AHHHHHHHH Bren que legal seu post, com livros vagalume <3 Só acho que faltou Pedro Bandeira aí, como assim o rei do infanto não tá no top?? A hora da verdade, A droga da obediência, A droga do amor e A marca de uma lágrima <3 como esquecer?????????? São incríveis!! Se não leu, merece uma chance!
Geovanna Ferreira postado recentemente..Gincana Literária de Natal: 3ª Prova – Demonstre seu amor pelos livros e o Natal!My Profile

[Responder]

brendalorrainy Reply:

:O Eu não acredito como eu esqueci!!! Pra me redimir vou fazer um post com série infanto-juvenis!! kkkkk

[Responder]


06/12/2011 às 18:38
Visitante assíduo e já deixou 32 comentários.

Awn, que fofinho <33 Agora senti saudades da minha infância, haha. Se tem um livro que me deixa suuuper encantada, que eu li quando ainda era pirra foi Me Pé De Laranja Lima. É bem bobinho, mas eu acho que eu já li umas duas ou três vezes, de tanto que gostei :D
Nunca li nenhum desses ai, mas adorei o post :D

Beeeijo Brenda
Kaká xxx
Kaká Rodrigues postado recentemente..E se fosse filme… #1: Paula PimentaMy Profile

[Responder]


06/12/2011 às 19:14
Visitante assíduo e já deixou 10 comentários.

Nossa, que post legal ‘-’
Eu nunca li nenhum desses, mas agora vou procurar conhecer e ver as estórias, porque as resenhas são super fofas *-* :smile:

Beijoos ;*
Gisele postado recentemente..#Music 2Day *5My Profile

[Responder]


09/12/2011 às 15:20
Visitante assíduo e já deixou 11 comentários.

Adorava livros assim..desses eu só conhecia Pollyana..mas não cheguei a ler.
Effy (Gil) postado recentemente..# Resenha 45: A Força do Amor – Beijada por um Anjo 2 – Elizabeth ChandlerMy Profile

[Responder]


20/12/2011 às 15:14
Visitante assíduo e já deixou 74 comentários.

Hum..
Dessa lista eu li A ilha Perdida,Posso te dar meu coração,Pollyana e O menino do Dedo Verde’

Realmente são livros muito bons e que vc nunca esquece’
Bjo’

[Responder]


21/12/2011 às 20:10
Você já comentou 2 vezes.

:arrow: Adoro toda a série Vagalume , já li muitos dessa série…Também Pollyanna.
Indicaria também…
-As crônicas de Nárnia (volume único);
- O pequeno príncipe;
- Marley & Eu;

E muito mais livros…Sou uma Verdadeira Devoradora de Livros como você, Brenda…Tenho 12 Anos…Mas muita experiência em relação à livros..

Ainda lerei todos esses livros do Post,
abraços ;-)

#Isah Santos…

[Responder]


21/12/2011 às 20:30
Você já comentou 2 vezes.

;-)

[Responder]


07/01/2012 às 20:10
Visitante assíduo e já deixou 58 comentários.

Oi Brenda, estou aqui conhecendo o seu blog e gostei muito!!
Eu amo a série vaga-lume mas discordo que a A Ilha Perdida seja top! E o Mistério dos Cinco Estrelas? E O Rapto do Garoto de Ouro? Office-boy em Apuros? Um Cadáver Ouve Rádio? HAhahaha Para mim esses todos ganham!
E também colocaria na lista, como bem disse a Geovanna, Pedro Bandeira!! A Droga da Obediência, sem dúvida!!
Também O Menino Sem Imaginação do Carlos Eduardo Novaes, esse livro é fantástico!

Pollyanna e O Menino do Dedo Verde com certeza merecem estar na lista! Os outros (Heidi e Posso Te Dar Meu Coração) naão conheço mas parecem ser bem legais!

Beijoss

[Responder]

brendalorrainy Reply:

Concordo com você que esses sejam melhores! Mas a ilha perdida teve valor especial pra mim pelo fato de ser o que me fez descobrir a coleção vaga-lume! A coleção do mistério do 5 estrelas é realmente perfeita!!
E sim eu me pergunto aonde estava com a cabeça quando esqueci meu queridissimo Pedro Bandeira! mas vou fazer um top séries infanto-juvenis e vou falar dos meu lindos “Karas”!! Não conhecia O menino sem imaginação! Vou pesquisar agora!

Beijos e seja muuuito bem vinda!

[Responder]

Dani Cortes Reply:

:grin:

[Responder]


17/01/2012 às 09:14
Comentou pela primeira vez, boas vindas!

brenda, fiz uma volta ao passado e me lembrei também desses: o genio do crime, a vaca voadora, o menino do dedo verde…

[Responder]


27/06/2012 às 19:58
Visitante assíduo e já deixou 16 comentários.

Nossa! Acho que A Ilha Perdida foi um dos primeiros livros que eu li também :)

[Responder]


08/10/2012 às 19:29
Comentou pela primeira vez, boas vindas!

gostaria de saber se vc compra os livros para ler ou aluga na biblioteca??? bjooo

[Responder]


31/01/2013 às 18:04
Visitante assíduo e já deixou 78 comentários.

ainda nao li nenhum porem, tenho vontade de ler POLLYANNA parece ser otimo

[Responder]


07/03/2013 às 19:39
Comentou pela primeira vez, boas vindas!

Ei conhece A culpa é dar estrelas – John Green ? Um dos livros mais emocionantes e envolvente que eu ja li!

[Responder]