resenhas category image [Resenha] – Desculpa se te chamo de amor, Federico Moccia 14/12/11


Nome: Desculpa se te chamo de amor
Autor(a): Federico Moccia
Editora: Planeta
Número de páginas: 411
Ano: 2007
Avaliação: ★★★☆☆

Niki é uma bela garota, é divertida, é inteligente. Tem 17 anos. Alex é um ‘garoto’ de quase 37. Separou-se há pouco, e sem uma razão clara, de sua noiva. Publicitário com grandes responsabilidades vê-se em crise no trabalho. Os dois se cruzam casualmente num pequeno acidente de trânsito. Niki gosta de Alex, Alex acha Niki divertida. A relação fica cada vez mais intensa. Não querem deixar a diferença de idade atrapalhar. O mundo dos adolescentes se choca com o dos adultos. Mas a vida dos dois nunca mais será a mesma. Este romance é a vontade de reencontrar a própria liberdade, a vontade de ter sentimentos verdadeiros, de amar sem convenções e sem muitos porquês. É o cotidiano, mas também o sonho.

Mantive uma relação de amor e ódio com esse livro. Então vou escrever de forma impessoal essa resenha e apenas no final tentar expressar o que senti durante a leitura. Se ficar um tanto confuso ou estranho vocês já sabem o porquê.

De narrador onisciente e com narrativa bastante poética, Desculpa se te chamo de amor nos apresenta um romance diferente dos que estamos acostumados. Os conflitos vão além dos personagens principais com a existência de histórias paralelas que se encaixam – ou não – na rotina dos protagonistas. E podemos perceber o turbilhão de sentimentos vividos nas diferentes fases de idade apresentadas.

De um lado temos Niki, uma garota de 17 anos, agitada e esperta. Com uma personalidade ora criança demais ora madura. Junto as amigas Erica, Dilleta e Olly – as ondas – está prestes a acabar o ensino médio. E do outro temos Alexandre, um publicitário de 37 anos com a vida profissional garantida e recém saído de um relacionado mal resolvido. O que poderia sequer aproximar esses mundos tão diferentes? Bem, neste caso um encontro no trânsito é o responsável por chocar (literalmente) os dois. E agora começa a se desenrolar um relacionamento bastante improvável aos olhos de muitos.

Demorei um pouco para me acostumar com Niki, achando-a a primeira vista irritante demais, mandona e controladora. Alexandre é totalmente aceitável até chegar do meio pro fim quando nos premia com uma atitude totalmente desconexa.

O crescimento do romance é gradual, espontâneo e nem um pouco forçado. Federico escreve no sentido que o amor é amor, sem importar idade ou convenções. Os personagens em geral são bastantes reais, incluindo os quarentões amigos de Alexandre que estão sempre em busca da juventude passada ou as amigas de Niki, eternas apreciadoras da vida.

Sobre as histórias paralelas, são totalmente bobas e desnecessárias, dando ao livro um caráter um tanto novelesco. Parecia que o autor só queria aumentar o número de paginas através do famoso ” encher linguiça”. E a narrativa que ao mesmo tempo encanta por ser bem elaborada, também irrita pelo excesso de adjetivos para descrever o que determinado personagem está sentido, ou uma cena. Como no trecho:

“Noite. trânsito leve, trânsito lento, trânsito que leva sabe lá onde. Em direção de novas histórias, para uma solidão escondida num grupo, para um desejo frenético e louco de rever alguém, que talvez sinta um pouco de desejo por você.”

Agora pensem neste modelo de trecho repetido milhões de vezes no livro. Resultado: pouco conteúdo e muito devaneio. Se fossemos espremer o que é realmente história daria no máximo umas 250 folhas. Demorei mais ou menos 1 mês para terminar por conta dessa lentidão que permeia tudo.

Desculpa se te chamo de amor pode ser até inovador e carismático, mas faltou talvez ação. Desenrolar dos fatos, algo que fizesse a história fluir. Federico quis criar um romance visto como impossível, enfrentador de resistências que não foram encontradas. Não digo que é um livro ruim, mas talvez minhas expectativas tenham sido altas.

DESIGN: ★★★★☆
IMPACTO: ★★☆☆☆
NARRATIVA: ★★★☆☆

Ah! Tem filme e parece ser mais legal que o livro apesar de fiel! Aqui no Brasil foi traduzido para Lição de amor (como assim?)

Trailer:

18 comentários
Postado em 14/12/11 por brendalorrainy



brendalorrainy
19 anos. Criadora do CDI é estudante de administração com inclinação para o setor editorial. Tem uma queda por felinos, por quadrinhos e pela combinação tinta e papel. Adora criar metas o tempo inteiro e estranhamente odeia dormir. Também detesta café, tem tendência ao caos e morre de medo de altura. É viciada em Friends e em qualquer coisa que a faça rir.
Deixe aqui seu comentário!

CommentLuv badge


18 comentários »
14/12/2011 às 20:20
Comentou pela primeira vez, boas vindas!

Noooooooooooooooossa!!! Amei a resenha, SUPER bem escrita, nossa! Sério, muito boa mesmo. Parabéns. Conseguiu expressar exatamente o que o livro te passou e muito bem, aliás. Muito bom mesmo!

Tenho minhas dúvidas em relação a este livro, e não está exatamente na wishlist :P

Bjss
Nati

http://www.meninadelivro.com.br/
@natibianchin
Natália Bianchin postado recentemente..Na Minha Caixa do Correio #4 + Avisos!My Profile

[Responder]


14/12/2011 às 21:34
Comentou pela primeira vez, boas vindas!

Gostei muito da resenha, e gostei dela ser impessoal. Estou muito curiosa para ler, mas todo mundo que fala sobre ele me diz a mesma coisa, que a narrativa é um pouco lenta e maçante. E ele é ENORME, aí me falta a coragem, porque né!
Assiti ao filme, e não me agradou muito não. Não sei se é porque é italiano, mas tem aquele ar de filme francês sabe? Com muita cena exibicionista, ou algo assim.
Nine Fonseca postado recentemente..A Batalha do Labirinto, Rick RiordanMy Profile

[Responder]


14/12/2011 às 21:41
Você já comentou 6 vezes.

Li várias resenhas desse livro e as opiniões foram bem divididas. Eu não consegui me interessar por ele, apesar de gostar de romances. Tenho pavor de livros que ficam só na “enrolação” então acho que não vou gostar muito desse.
Também não entendi porque colocaram esse nome no filme O.o
Ótima resenha!

Bjs
Tati
http://coracaoliterario.blogspot.com/
Tatiellen Tarzo postado recentemente..Selinho #03My Profile

[Responder]


15/12/2011 às 15:33
Comentou pela primeira vez, boas vindas!

Eu A-DO-REI o seu blog, menina! Aqui é tudo muito lindo! Suas postagens são bem elaboradas e organizadas! Parabéns!
Vi seu link em outro blog e resolvi visitá-lo. Já estou te seguindo, me segue também?

http://jovens-garotas.blogspot.com/

Beeeijos e estou te esperando lá! *-*

[Responder]


15/12/2011 às 22:50
Visitante assíduo e já deixou 26 comentários.

Ixe, fiquei com medo agora. Minhas expectativas com esse livro são ALTÍSSIMAS, haha, vou tentar baixar até chegar a vez de lê-lo ;x haha, ainda mais que comprei ele e o segundo na bienal xD’ ahepoiaheoaieh’
Boooom… Desanimei um pouco, nao posso deixar de falar, rs. Mas amei muito o filme e ainda lerei o livro, com certeza! rs

Beijos, Nanda
http://www.julguepelacapa.blogspot.com

[Responder]


15/12/2011 às 23:31
Visitante assíduo e já deixou 32 comentários.

To sentindo tua frustração lendo esse livro, haha. Sério, que narrativa é essa, pelo amor de Deus? Eu gosto de uma narrativa clean, que me poupe dos detalhes e com muuitas histórias, amo ler sobre a vida do personagem, faz dele mais real. Essa coisa de ficar descrevendo até o vento que pasas pelo cabelo é muito chato. Eu até evito isso ao máximo quando eu to escrevendo minha fic (: A capa do livro é um amor, mas não me interessei pela história e também nunca senti vontade de ler o livro, risos. Aodrei a resenha :D

Beeeijo
Kaká
Kaká Rodrigues postado recentemente..Resenha: Julieta Imortal – Stacey JayMy Profile

[Responder]

brendalorrainy Reply:

kkkkkkkk Você conseguiu realmente imaginar o espirito da narrativa do Moccia! Acho que posso praticamente afirmar que tem uma passagem que descreve o vento passando pelos cabelos de alguém kkkkk (que obviamente não lembro quem depois de tanta enrolação )
beijo!

[Responder]


17/12/2011 às 16:55
Visitante assíduo e já deixou 10 comentários.

Esse livro nunca me chamou a atenção… Algumas pessoas me falaram que era muito bom, outras já não gostaram nada.
Sua resenha ficou maravilhosa ;-) , consigo sentir sua frustração com tanta enrolação em apenas um livro. Acho a capa uma graça, e só :???:

Beijoos, Giih
@giselebbarreto
Gisele postado recentemente..#Music 2Day *5My Profile

[Responder]


17/12/2011 às 21:16
Comentou pela primeira vez, boas vindas!

Só livros bons, quem dera se eu tivesse tempo para todos, faria uma festa…. hehehe

esse seria mais um….otima resenha….

bjos

Philip Rangel
Entrando Numa Fria

[Responder]


18/12/2011 às 10:08
Visitante assíduo e já deixou 15 comentários.

Nossa, que resenha perfeita, parabéns! Achava que o livro fosse melhor, mas pelo que você falou nem vou ler..
O filme parece ser bem melhor.

http://thebookofmydreams.blogspot.com/
Samira Machado postado recentemente..Antes tarde que mais tardeMy Profile

[Responder]


20/12/2011 às 16:31
Visitante assíduo e já deixou 74 comentários.

Gostei do modo como vc expressou o que sentiu ao ler o livro..

De início sem nunca ter lido nenhuma resenha,apenas a sinopse me interessei bastante,acho q por me indentificar e de certo modo viver histórias complicadas na miinha vida pessoal,mas enfim..
Por isso gostei,mas foi um fogo que se apagou de tanto escutar Brenda fazer comentários da narrativa e da poetica do autor que acabou me deixando frustrada’

Ainda não li nenhum título dele,mas lerei esse livro,ainda guardo alguma expectativa bem positiva dele pra mim’

Bjo

[Responder]


15/06/2012 às 21:11
Visitante assíduo e já deixou 27 comentários.

que coisa , minha amiga disse que chorou lendo esse livro :/
Bruna Gama postado recentemente..Vestidos no invernoMy Profile

[Responder]


21/06/2012 às 12:37
Visitante assíduo e já deixou 146 comentários.

A premissa era boa… pena que ele errou a mão… não li, é verdade, mas o digo pelo trecho que vc colocou… nem em minhas primeiras redações escrevi um fiasco desses.
Definitivamente esse eu nem dirijo um olhar se esbarrar na livraria.

[Responder]


30/09/2012 às 11:42
Visitante assíduo e já deixou 43 comentários.

Oi..

Eu li o Três metros acima do céu do mesmo autor e tenho que confessar que no inicio a leitura não progredia, pois, acha o estilo do autor muito diferente do que estava acostumada, mas como a história era maravilhosa a coisa fluiu e acredito que deve ser a mesma coisa com esse.
Samira Chasez postado recentemente..Resenha Vampiro Secreto Mundo Das Sombras – Livro 1My Profile

[Responder]


16/10/2012 às 20:48
Visitante assíduo e já deixou 82 comentários.

A história deve ser interessante, pelo menos a proposta é bom, mas mesmo assim por se tratar de um romance, que eu nem gosto de ler, não me animei.

Talvez se tiver oportunidade de ler eu me surpreenda, mas inicialmente não me atraiu em nada.

Thais Vianna
@dathais
dathais@hotmail.com

[Responder]


19/10/2012 às 17:49
Visitante assíduo e já deixou 114 comentários.

Bem interessante esse livro né?
Pelo menos foi o que minha prima disse.
Já você disse bem o contrário. Eu não gosto desse encher linguiça sabe?
Então acho que não iria gostar do livro não, mas cada um tem seu gosto né?
Resenha bem interessante e impessoal.
Beijos e parabéns :D

[Responder]


26/12/2012 às 14:36
Visitante assíduo e já deixou 214 comentários.

Ah parece ser legal, mas se vc achou cansativo e enrolado, imagine eu,kkkkkkkk, acho que vou preferir assistir o filme do que ler o livro, pelo menos o filme é só poucas horas,kkkkk, bjos!!!

[Responder]


21/01/2013 às 06:27
Visitante assíduo e já deixou 110 comentários.

Ah, que pena… o título é tão bonitinho! Não posso mesmo me enganar com os títulos.
Não sei mesmo se conseguiria chegar ao fim com esses detalhes irritantes que vc enumerou tão bem. É mais um livro pra fazer apologia ao amor e que não há idade nem diferenças mais importantes que não valham o sentimento.
Não vou ler, não.

[Responder]